terça-feira, 11 de abril de 2017

How I Met Your Mother

Post pessoal que somente eu vou entender. Aos poucos que acompanham este blog, se é que alguém lê isto aqui, não procurem sentido neste texto. Estou escrevendo apenas para uma pessoa: eu mesmo.

Neste período de caminhada solitária, passei parte do meu tempo livre assistindo o seriado How I Met Your Mother e sempre me identifiquei com a busca do Ted Mosby. Apesar de tudo que passei, vejo que sempre cultivei a mesma esperança que o personagem do seriado mantinha.

Hoje assisti o último capítulo e confesso que aquilo me pareceu um sinal, mas ainda não sei qual é o recado que a vida tentou me passar. 

Só sei que estou atordoado, procurando um rumo para seguir. E peço a Deus ilumine para escolher o caminho correto.

Keep Walking (alone)...

quarta-feira, 28 de dezembro de 2016

quinta-feira, 15 de dezembro de 2016

Felicidade em uma pizza

Faz um tempo que não posto nenhuma viajada na maionese, mas não consegui ficar sem escrever sobre a cena que vi.

Estava voltando do trabalho e já era quase meia-noite quando vi alguns vultos andando pela calçada. 

É um chavão, mas estranhamente consegui ver seus rostos quando passei por eles e identificar os sorrisos alegres. Era um homem carregando uma pizza com três crianças em volta, marchando de volta para casa. 

Se ricos ou pobres, não me importa. O que me importa é a lembrança da cena de felicidade que tive a sorte de compartilhar por alguns segundos. De vez em quando relembro destes sorrisos e sorrio também.

Procuramos a felicidade em bens materiais caros, em conversas que nunca ocorrem, em muitas coisas complicadas, mas nestes momentos me pergunto se a felicidade não está nas coisas simples da vida. Será que ela não está atrás de um "bom dia", de um sorriso, escondida em um abraço sincero ou até mesmo em um pedaço de pizza compartilhado com os filhos.

quinta-feira, 15 de setembro de 2016

Estradas dos Romeiros - São Paulo

Ouvi falar sobre a Estradas dos Romeiros em 2010, quando comecei a andar de motocicleta, mas nunca tive a oportunidade de rodar por ela em duas rodas. 

Durante o último feriado de 7 de setembro resolvi procurar algum lugar que sirva café da manhã rural e me deparei com a indicação de um local chamado Fazendo do Chocolate. 

Liguei o GPS, segui o caminho recomendado e passei por uma espécie de portal com a indicação Estrada do Parque (nome atual da Estrada dos Romeiros) e nem desconfiei que finalmente estava aproveitando a paisagem da famosa estradinha.

Existe um rio que corre paralelo a estrada e que proporciona uma agradável paisagem, mas de repente começamos a deparar com blocos de espuma densa, indicando que as coisas não estão tão bem quanto a paisagem sugere.

Logo percebemos que existe uma usina hidrelétrica que provoca muita espuma com a queda d'água, criando uma espécie de crosta de espuma densa que cobre o rio a jusante.

Espuma provocada pela usina hidrelétrica da Estrada dos Romeiros - Itú - Cabreúva
Espuma gerada pela poluição na usina hidrelétrica que recebe as águas do Rio Tietê
Espuma do Rio Tietê na Estrada dos Romeiros
A espuma densa que cobre esta parte do Rio Tietê

Realmente é triste ver uma região tão bonita com estes problemas provocados pela poluição. A visão destes icebergs de espuma são de entristecer. Navegando pela Internet é possível ver que este assunto já foi abordado várias vezes pela imprensa e por cidadãos comuns a muito tempo mas parece que nada mudou. Fica aqui mais um registro deste cenário triste e a esperança de que algo seja feito no futuro.

Para não deixar este post acabar de forma melancólica, segue mais uma foto de uma pequena cachoeira da região para evidenciar o potencial turístico mal aproveitado da região.


Estrada dos Romeiros - Pequena cachoeira encravada na região
Pequena cachoeira da região

Estrada dos Romeiros - Vista do Rio Tietê
Vista do Rio Tietê

Estrada dos Romeiros - Vista do Rio Tietê
Vista do Rio Tietê

 
Para saber mais

Estrada do Parque (último acesso em 15/09/2016)